Programa – 2 de Junho

2 de Junho (Sexta-feira)
9h30 – 10h30 Comunicar e auxiliar pessoas com deficiências visuais e auditivas em diferentes contextos. Sandra Rodrigues, BLCS.
10h30 – 11h00 O sistema de leitura e escrita Braille – noções básicas.
Sandra Rodrigues, BLCS.
11h00 – 11h15 Intervalo
11h15 – 11h45 O sistema de leitura e escrita Braille – noções básicas (continuação). Sandra Rodrigues, BLCS.
11h45 – 12h45 Eyetracking e Eyecontrol – Impacto diferenciador na qualidade de vida da pessoa com deficiência. Miriam Azevedo, Anditec.
14h00 – 15h30 Tecnologias de Apoio – Ferramentas de Inclusão no Ensino Regular. Miriam Azevedo, Anditec.
15h30 – 16h30 Seleção de um produto de apoio para a mobilidade e posicionamento: os fatores que fazem toda a diferença! Rui Pereira e Hugo Silva, Mobilitec.
16h30 – 16h45 Intervalo
16h45 – 17h15 Seleção de um produto de apoio para a mobilidade e posicionamento: os fatores que fazem toda a diferença! (continuação) Bianca Montecchi, Mobilitec.
17h15 – 18h00 Efeitos biopsicossociais da utilização de produtos de apoio: um estudo inovador da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa. Sara Moreso e Cristina Vaz De Almeida, SCML.

Comunicar e auxiliar pessoas com deficiências visuais e auditivas em diferentes contextos:
O workshop tem como objetivos dar a conhecer as formas que estas deficiências podem assumir e as dificuldades que delas derivam, bem como oferecer estratégias práticas de ajuda a estas pessoas. Espera-se que os formandos reconheçam as reais incapacidades destas pessoas e não as que muitas vezes são mistificadas; que se sintam capazes de comunicar e de proporcionar ajuda adequada ao público em foco em contexto familiar, escolar, profissional, entre outros. ↑topo

O sistema de leitura e escrita Braille – noções básicas:
O workshop tem como objetivos dar a conhecer o surgimento e desenvolvimento do sistema Braille, bem como o abecedário neste sistema e demonstrar a sua aplicação prática. É esperado que os formandos apreendam a importância do sistema na literacia dos cegos; que assimilem e sejam capazes de identificar os seus principais símbolos. ↑topo

Eyetracking e Eyecontrol – Impacto diferenciador na qualidade de vida da pessoa com deficiência:
Pretende-se neste workshop que os formandos tomem consciência das potencialidades duma ferramenta de análise como o Eyetracking no apoio a utilizadores com por exemplo, Espectro do Autismo, Síndrome de Rett e Necessidades Complexas de Comunicação. Em relação ao Eyecontrol, atualmente amplamente usado como interface de acesso ao computador para pessoas com disfunções neuromotoras graves – pretende-se que os formandos aprendam a utilizar esta ferramenta, compreendam as suas funcionalidades e a saibam implementar junto de potenciais utilizadores. ↑topo

Tecnologias de Apoio – Ferramentas de Inclusão no Ensino Regular:
Pretende-se neste workshop que os formandos entendam as potencialidades das Tecnologia de Apoio no contexto da Sala de Aula, contribuindo para uma melhor Inclusão de alunos com disfunções neuromotoras graves no Ensino Regular. Abordar-se-ão sobretudo as TA para Necessidades Complexas de Comunicação, apresentando-se quer dispositivos adequados, nomeadamente interfaces de acesso, quer software de apoio nomeadamente o Programa GRID3. ↑topo

Seleção de um produto de apoio para a mobilidade e posicionamento: os fatores que fazem toda a diferença!:
Nas nossas apresentações iremos abordar os fatores que influenciam a seleção de um produto de apoio nos seguintes casos:
-sistemas de posicionamento e prevenção de úlceras de pressão;
-produtos de apoio de mobilidade e posicionamento pediátricos;
-cadeiras de rodas manuais e cadeiras de rodas elétricas
As apresentações serão feitas por engenheiros de reabilitação/técnicos especializados em mobilidade e posicionamento, profissionais que no seu quotidiano trabalham para fazer toda a diferença na vida dos seus clientes. ↑topo

Efeitos biopsicossociais da utilização de produtos de apoio: um estudo inovador da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa:
Devido à constante necessidade de se avaliarem as tecnologias da saúde para gerir os recursos de forma eficaz, foi elaborado um 2º estudo biopsicossocial a beneficiários de produtos de apoio financiados pela Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, no Concelho de Lisboa, através do protocolo com o ISS. O tema do workshop é sobre os efeitos biopsicossociais da utilização dos produtos de apoio atribuídos e os resultados sobre o incremento na qualidade de vida tanto dos beneficiários diretos como dos seus cuidadores informais. ↑topo